Câmara de Aimorés realiza primeira sessão ordinária de 2017

Com presença dos 11 vereadores e sob o comando do presidente Rubens Barcelos, a Câmara Municipal de Aimorés realizou no dia 6 de fevereiro, sua primeira sessão ordinária do ano de 2017. O Legislativo já tinha realizado uma sessão extraordinária, em janeiro, quando aprovou por unanimidade uma solicitação do Executivo, garantindo uma suplementação de verba para possibilitar o pagamentos dos servidores relativo ao mês de dezembro de 2016.

Na primeira sessão ordinária de 2017, os vereadores discutiram de forma especial a questão dos alagamentos que estão acontecendo na avenida Liberdade e na Barra do Manhuaçu, decorrente das fortes chuvas que normalmente acontecem em Aimorés no período de verão. Estas inundações continuam provocando graves prejuízos aos moradores e a Câmara busca uma solução para o problema.

Os vereadores aprovaram na sessão dois projetos de Lei do Poder Executivo, ambos por 6 votos contra 5. Um deles reestrutura a organização administrativa do Serviço Autônomo de Água e Esgotos, e o outro equipara o salário do controlador geral da Prefeitura de Aimorés aos proventos dos secretários municipais.

Foi aprovado por unanimidade, também, indicação do vereador André Vidal, solicitando a construção/reconstrução de pontes sobre o córrego Capim, no distrito da Penha do Capim; sobre o córrego Lagoinha (no distrito de Expedicionário Alício) e também sobre o córrego Feixe de Pedra, no distrito de Penha do Capim.

Sobre os alagamentos registrados na avenida Liberdade e na Barra do Manhuaçu, questão levantada na Câmara pelo vereador Neacir de Oliveira Silva, vários vereadores usaram da palavra para abordar este problema que Aimorés vêm enfrentando. O vereador André Vidal lembrou que reunião foi realizada em 25 de novembro de 2016, com o então prefeito eleito Marcelo Marques, representantes da Vale e da comunidade, quando foi cobrada a realização de um estudo profundo para a solução do caso.

O presidente Rubens Barcelos explicou que já esteve com representantes da Vale em Vitória, em Vitória, reclamando da situação, que até hoje não foi solucionada. O vereador Rubens e seus companheiros de Câmara chegaram a admitir a possibilidade de paralisar a circulação de trens da Vale em busca de uma solução. Um dos problemas dos alagamentos na região seria exatamente a construção de um muro isolando a linha férrea, que impede o escoamento as águas das chuvas.

Os vereadores Onair Vitorino Filho, Daniel Lemos e Sebastiao Ferreira de Souza também abordaram na sessão o problema dos alagamentos na avenida Liberdade e na Barra do Manhuaçu, com todos exigindo e cobrando uma solução imediata que traga tranquilidade aos moradores daquela região de Aimorés.

Estiveram presentes na primeira sessão ordinária da Câmara Municipal de Aimorés em 2017, os vereadores Rubens Barcelos, Adalton Marques Teixeira, Admar Gomes da Silva, André Vidal de Freitas, Daniel Lemos, João Martins Nunes, José Alexandre Ferreira, Luciano Afonso César, Neacir de Oliveira Silva, Onair Vitorino Filho e Sebastiao Ferreira de Souza.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias

Novembro Azul: saiba mais

Novembro Azul é um movimento mundial que acontece durante o mês de novembro para reforçar a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer

Notícias

Você sabe o que é Outubro Rosa?

Outubro Rosa é uma campanha anual realizada mundialmente em outubro, com a intenção de alertar a sociedade sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama.